30 janeiro 2017

Os melhores looks do SAG Awards

A 23º edição do SAG Awards, o prêmio do sindicato dos atores, aconteceu ontem, domingo, dia 29 de janeiro. E eu reuni as pessoas que se vestiram, na minha opinião, de forma mais bonita. Segue a minha lista.

Brie Larson vestindo um Jason Wu (tá maravilhosa, né?)
Uzo Aduba vestindo Elizabeth Kennedy 

Shannon Purser vestindo um vestido customizado Christian Siriano
Viola Davis (rainha como sempre) vestindo Vivienne Westwood

Chrissy Teigen 

Emma Stone divina vestindo Alexander McQueen 

Gina Rodriguez vestindo (uma brasileira!) Pat Bo

Katey Cuoco (esse vestido está muito maravilhoso) vestindo Marchesa.

Kerry Washington, linda como sempre, vestindo um Cavali Couture.

Kirsten Dunst vestindo Dior (tá parecendo uma boneca, né?)

Sofia Vergara (muito linda!!) vestindo um Zuhair Murad 
Taraji P. Henson (na minha opinião a mais bem vestida) vestindo Reem Acra.

23 janeiro 2017

Quando o preso pede socorro

O Brasil é o país com a quarta maior população carcerária do mundo. Isso demonstra que apesar de alguns recentes investimentos do governo a população continua a crescer em ritmo crescente. São 607 mil presos, os dados são do novo relatório do Sistema Integrado de Informações Penitenciárias, o Infopen, divulgados pelo Ministério da Justiça. Esses dados demonstram que o país precisa agir e rápido, afinal rebeliões que causam mortes de dezenas de presos ocorrem todo ano e causam felicidade em alguns (por acharem que aquilo é justiça, quando na verdade não é) e comoção em outros.
Os presos vivem em péssimas condições. Superlotação (o Brasil possui um déficit de 231 mil vagas), má alimentação (ou a falta dela), violência, insalubridade, são alguns dos problemas que os presos tem que enfrentar diariamente. E ninguém merece passar por isso. Todo ser humano merece uma vida digna. É claro que eles não devem ir para uma colônia de férias (como algumas pessoas da direita acham que é o que a esquerda quer), mas devem ter seus Direitos Humanos respeitados. Afinal, eles são seres humanos, como eu e você. E por mais que eles tenham cometido um erro, eles não merecem viver em condições degradantes, sub-humanas. Afinal, como eles irão se recuperar para poder voltar a sociedade?

A maioria dos presos tem baixa escolaridade, o que indica que eles já eram marginalizados ou vulneráveis antes de serem presos. Dois em cada três são negros. O que mostra que a polícia escolhe sim por cor. E que o sistema prisional é, sim, racista. Em relação aos tipos de crimes, 14% dos presos cometeram homicídio, 21% roubo e 27% estavam envolvidos com o tráficos de drogas. Esse número com o tráfico de drogas, demonstra que a guerra contra as drogas falhou e talvez seja a hora do Estado reconhecer isso. E cerca de quatro a cada dez presos ainda não passaram por julgamento, um fator que só faz aumentar o número de presos. O Brasil tem muito o que fazer para que os presos sejam tratados com o mínimo de respeito e para que assim haja cidadãos reintegrados na sociedade.

05 janeiro 2017

Justin Bieber e a cultura do abandono de animais

O cantor Justin Bieber se envolveu em mais uma polêmica. E dessa vez envolvendo um animal. Ele tinha um cachorro da raça chow-chow e simplesmente deu para um dançarino. E não é a primeira vez que ele faz isso. Ele já abandonou um macaco, um hamster e outro cão. O cão está doente e dizem que foi por isso que ele abandonou.

Justin Bieber é só mais um dos exemplos que acontecem diariamente de abandono em relação aos animais. É inaceitável que casos como esse ainda aconteçam e que pessoas tratem os animais como se fossem objetos. Os animais são seres vivos que necessitam de atenção e amor, se você não é capaz de fornecer isso, então simplesmente não crie um animal para depois abandoná-lo! E mesmo que você tenha doado o animal, continua sendo abandono. O animal se sente abandonado, já que o dono dele não aparece mais e deixou de cuidar dele. Se fosse um filho, você iria abandonar depois de um tempo? Depois de enjoar? Depois que ele adoeceu? Não né? (Ou a gente espera que não) então porque você faria isso com um animalzinho um ser indefeso, que só quer amor e carinho? É cruel. Na minha opinião é um dos piores atos do ser humano. Qualquer maldade com ser indefeso é crueldade demais.

São diversos os motivos que as pessoas alegam para abandonar um ser inocente que é o animal, mas nenhum motivo justifica esse ato tão horrível. Justin Bieber como famoso deveria dar exemplo de como tratar bem os animais e não sair por aí abandonando animais. É desumano e horrível abandonar seres tão puros que não querem nada além de um cuidado especial. É preciso pôr um fim a essa cultura que acha normal abandonar animais. Não é normal e não é algo que deve ser aceitável na nossa sociedade. É preciso que seja repreendido. É preciso mais respeito aos animais.

01 janeiro 2017

Por um Brasil mais tolerante

Luís Carlos Ruas tinha 54 anos e estava trabalhando na noite de natal para complementar a renda familiar. Era um típico brasileiro. Trabalhador. Trabalhava às 6h da manhã e não parava antes das 23h. Luís fornecia alimento e cafezinho para os moradores de rua, tinha uma boa relação com eles. Ele poderia ser só mais um, mas infelizmente virou estatística. Foi morto por dois homens (que provavelmente são skinhead). E ele foi justamente morto por defender uma travesti. Esses dois homens estavam agredindo a travesti e Luís resolveu apartar a briga. Ele foi morto por fazer o que pouquíssimas pessoas fariam. Ele foi morto por fazer o certo, por fazer o que Jesus, o aniversariante da noite, faria.

Os meliantes continuaram batendo mesmo depois de seu Luís estar desacordado, é um ato de crueldade que me deixa sem palavras e sem reação. Sabe quando algo acontece e você não consegue digerir? Então, até agora estou chocada.
Estou chocada como a falta de empatia é cruel e leva a atos extremos, é preciso se colocar mais no lugar do outro.
É absurdo que atos tão horríveis como esse ainda ocorram, e o Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais segundo a ONG Internacional Transgender Europe. É perigoso ser travesti/transexual no Brasil. Deve ser difícil você se sentir inseguro o tempo todo. Além de você ter que lidar o tempo todo de estar no corpo errado tem que lidar com o preconceito e até mesmo com agressões.
Que nesse novo ano, sejamos mais tolerantes, principalmente com os diferentes. E que tenhamos mais empatia, pois isso é fundamental para uma sociedade mais evoluída.
© Pequenos Devaneios - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo