18 março 2017

Moonlight

SinopseTrês momentos da vida de Chiron, um jovem negro morador de uma comunidade pobre de Miami. Do bullying na infância, passando pela crise de identidade da adolescência e a tentação do universo do crime e das drogas, este é um poético estudo de personagem.

Um filme belo, que trata de forma crítica problemas que passam na vida de um jovem negro periférico. Eu relutei muito em ver esse filme, pois sabia que traria forte impacto em mim. O filme trata de bullying, e eu que já sofri bullying, sei o quanto é difícil ver qualquer situação que me lembre a esse terrível sofrimento que eu passei. São cenas fortes. Até quem nunca passou por nada parecido vai sentir algo, uma pontada no estômago. (se você não sentir nada, sinto muito você é muito frio) 

Chiron sofre bullying, pela razão pela qual a maioria das pessoas sofrem bullying: por ser diferente. Ele é homossexual, não assumido. Mas que as pessoas percebem e pegam no seu pé por causa disso. É lamentável que na vida real cenas como essa ocorram. Ninguém deveria sofrer bullying por nenhuma razão. Ninguém merece sofrer bullying.



Chiron tem uma mãe que tem dependência química, e por ser desequilibrada desconta tudo no pobre filho. Um dia, quando estava fugindo dos garotos que faziam bullying com ele, um homem (Juan) o resgata e o torna seu amigo, como se fosse um pai. E daí surge uma linda amizade, em que ocorre cenas lindíssimas, que deu ao Mahershala Ali a indicação ao Oscar. A fotografia está maravilhosa, além do filme merecer os prêmios principais do Oscar, merece também esse prêmio técnico. 

Um filme delicado, mas ao mesmo tempo forte, que fala da vida dura de um jovem negro numa comunidade pobre, e de como a vida é mais difícil para quem nasceu nessas condições. E mostra mais uma vez que a meritocracia é uma farsa. Não dá para comparar alguém que viveu nessas condições com alguém que nasceu em um berço de ouro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Pequenos Devaneios - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo