Eu sei o que é querer morrer

10 setembro 2017

Hoje, é o dia internacional de Prevenção de Suicídio. Estamos no Setembro Amarelo. Um mês para desmitificar o suicídio e tentar dar apoio aqueles que tem pensamentos suicidas. Esse mês é de extrema importância, visto que mais de 800 mil pessoas morrem por causa do suicídio todo ano, ou seja, a cada 40 segundos alguém se mata, segundo a OMS. Fora o grande número de pessoas que tentam suicídio e não conseguem morrer. Um número grande, mas que por falta de dados, não se tem um número exato. O fato é: suicídio é problema de saúde pública. E nenhum país faz nada por isso. A maioria das pessoas que morrem por causa de suicídio tem alguma doença mental (cerca de 90%). É uma das mortes mais fáceis de ser evitada, mas infelizmente, ninguém liga para isso. Muitas vezes culpam as pessoas que se matam, dizendo que elas queriam atenção ou que eram loucas. Cada um sabe a dor que carrega. Viver com uma doença mental é extremamente difícil. E falo isso por experiência própria. Muitas vezes dá vontade de desistir e muitas vezes eu quase desistir.

Desde pequena eu sofri bullying (um fator que aumenta bastante os casos de suicidio), então desde que me entendo por gente eu tinha pensamentos suicidas, mas nunca tinha feito nada. Até que eu comecei a ter uma anorexia e me sentia muito culpada e infeliz comigo mesma e comecei a me auto-mutilar e ao mesmo tempo sofria bullying. Meses depois comecei a sofrer bullying de minhas “amigas” e foi aí que tudo piorou. Eu me cortava todos os dias e não via mais razoes para viver, mas nunca tinha realmente tentado me matar. Na época, meu diagnóstico era de depressão profunda. Eu tinha apenas 13 anos. Em 15 de novembro, três dias depois do meu aniversario, eu estava muito triste pois esse tinha sido o pior aniversário da minha vida. E uma das meninas que fazia bullying comigo, resolveu falar comigo com uma conversa que parecia ser amigável, então respondi. Depois de um tempo, vi o que ela queria fazer. Começou a me humilhar e disse que tudo o que tinha acontecido era culpa minha, e que eu só queria atenção e outras coisas horríveis (bem típico do opressor culpar o oprimido). Então eu não aguentei e tentei me matar pela primeira vez. Tomei todos os remédios (inclusive um de depressão que tomava) que vi pela frente. Eram muitos remédios, pois minha mãe é médica e possuía vários remédios e nenhuma mãe imagina que sua filha vai tentar se matar, e eu nunca tinha dado nenhum sinal para meus pais, sempre escondia e guardava tudo para mim. Tomei e fui dormir para nunca mais acordar. Isso era madrugada e no outro dia minha mãe iria acordar cedo para trabalhar, ela acordou e viu todos os remédios espalhados. Meia hora depois, me acordou perguntando se eu tinha tomado os remédios, eu estava muito grogue e acho que disse que não, mas ela sabia que eu tinha tomado. Então me levou correndo para o hospital. Lá, fiz todo o necessário para cortar o efeito dos medicamentos. Eu não queria fazer, mas fui obrigada. Fiquei 24h de observação e voltei para casa.
Essa não foi a última vez que tentei me matar. Tentei me matar no ano seguinte várias vezes. E no ano seguinte também. E vários outros anos. Eu não me orgulho disso, claro. Mas é a minha história e não posso apagar. E espero com a minha história, salvar vida de outras pessoas, que não tiveram a minha sorte. Muitas vezes eu não demonstrava que queria morrer. Várias vezes depois de tentar me matar tive que voltar paras as aulas e agir como se nada tivesse acontecido e ninguém suspeitava de nada. Os pensamentos suicidas continuam comigo, não vou mentir. Se livrar de algo que você tem desde que se entende por gente é algo extremamente difícil. Minha médica diz que são pensamentos obsessivos, pensamentos “intrusos”, que por mais que eu tente expulsa-los eles sempre voltam para me assombrar. E isso só pode ser curado com muita terapia, ajuda de psiquiatra e medicamentos. Mas isso dura anos. E é um processo diário para que eu lute todo dia contra a vontade de me matar. Nesse dia, nesse mês e em todos os dias do ano, eu peço que tenham mais empatia com o próximo. Se você vê alguém depressivo que constantemente fala sobre morte e que quer morrer, por mais que pareça “brincadeira” converse com ele. Ajude. Escute. E não julgue. Cada um sabe a cruz que carrega. E ter uma doença mental piora tudo. Eu não desejo para ninguém a doença que eu tenho. Doenças mentais são doenças como qualquer outra. Insista para que seu amigo procure ajuda profissional, conversar com você não vai ser suficiente. Pois é uma doença e como qualquer outra doença precisa de tratamento. Parem de fazer piadas com suicídio e doenças mentais. Não é engraçado. Isso machuca e só contribui pela forma horrível com que nós somos tratados. O suicídio no Brasil, por exemplo, está subindo. O governo não faz quase nada, a população na maioria das vezes nem liga, e as pessoas suicidas guardam cada vez mais para si seus sentimentos. E isso precisa mudar. Essa é a primeira vez que falo abertamente sobre isso. Ninguém sabe que eu ja tentei me matar tantas vezes. Pois sei que vão me julgar e não vão tentar me ajudar. E isso é errado. Não abandone uma pessoa que precisa de você. Imagina você estar com câncer e ser abandonada por amigos? É a mesma coisa com doenças mentais. Isso só vai piorar o estado mental da pessoa. 
Se você que leu esse texto e está se sentindo suicida, aqui vai algumas formas de ajuda: 
Ligue para o CVV, o número é 141 e eles vão te acalmar quando você estiver desesperada. Mas, essa ajuda é só momentânea, então procure imediatamente uma ajuda para que você tire esses pensamentos da sua cabeça.
Toda universidade federal oferece consultas psicológicas gratuitas ou de baixo custo, procure no google “psicólogos e nome da universidade”que vai aparecer um número para você ligar. Nesse link tem informações para consultar na Universidade Federal de Pernambuco, onde eu estudo.
Existe também o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) que é gratuito. Procure no google CAPS e a sua cidade que vai aparecer o mais perto, vá no centro e diga que precisa de ajuda. Existem também os CAPS através de planos de saúde, onde eu já fiquei e acho que ajuda o paciente. 
No SUS também tem serviços de psicólogos e psiquiatras, é mais difícil, mas tente. A melhor alternativa é o CAPS, onde não é tanta gente.
Se você tem mais condições, procure um psicólogo e psiquiatra particular.
Mas, pelo amor de Deus, não fique sem procurar ajuda, não diminua seu problema, quanto mais cedo você buscar ajuda, menos chances você tem de tentar se matar. Sua dor é válida. Eu entendo você, eu sei o que é pensar que é um fardo para todos, se sentir um lixo, e achar que você não suporta mais sua dor e que a morte é a solução. Mas, você é mais forte do que você pensa. E não se culpe. Você precisa de ajuda. E não tem nada de errado em procurar ajuda. Quando você tem pneumonia, você vai para o hospital, porque com doenças mentais seria diferente? Precisamos acabar com esse estigma. Por fim, que todos permaneçam fortes. Estou passando por um momento extremamente difícil agora, acho que o mais difícil de todos, e escrever esse texto me ajudou. Espero que ajude outros. Nós somos maiores que nossas doenças, nós somos maiores que os pensamentos suicidas. E eu espero do fundo do meu coração, que os governos de todo o mundo deem mais atenção para esse problema sério. Precisamos cobrar do governo também. Esse é um problema sério, que pode facilmente ser evitados. Pessoas suicidas e com doenças mentais NÃO são loucas. Loucos são os que tratam pessoas assim feito lixo. Elas são doentes, é diferente. Vamos ajudar os que não conseguem se ajudar. Suicídio e doença mental não escolhe classe social. Pobres e ricos. não importa, podem ter esse problema. Então não julgue. 

21 Comentários

  • I wanted to thank you for this very good read!! I
    certainly loved every bit of it. I’ve got you bookmarked to check out new stuff you post…

  • I’m not that much of a online reader to be honest but your sites really
    nice, keep it up! I’ll go ahead and bookmark your site to come back later on. Many thanks

  • I visited several web pages except the audio quality for audio songs present at this
    website is genuinely wonderful.

  • Oh my goodness! Incredible article dude! Many thanks, However
    I am going through issues with your RSS. I don’t understand the
    reason why I can’t join it. Is there anybody else having the same RSS issues?
    Anyone that knows the solution will you kindly respond? Thanx!!

  • Ahaa, its good conversation regarding this post here at this
    web site, I have read all that, so now me also commenting at this
    place.

  • Good article! We are linking to this particularly great content on our site.
    Keep up the great writing.

  • I enjoy what you guys tend to be up too. This kind of clever work and coverage!
    Keep up the good works guys I’ve incorporated you guys to our blogroll.

  • Hi there just wanted to give you a quick heads up. The text in your content seem to be running off the screen in Firefox.

    I’m not sure if this is a format issue or something to
    do with web browser compatibility but I figured I’d post to
    let you know. The layout look great though! Hope you get
    the problem resolved soon. Thanks

  • Greetings! I know this is somewhat off topic but I was wondering if you knew where I could locate a captcha plugin for
    my comment form? I’m using the same blog platform as yours and I’m
    having problems finding one? Thanks a lot!

  • Wow, this post is pleasant, my younger sister is analyzing
    these things, therefore I am going to convey her.

  • This post will help the internet people for setting up new website or even a blog from start to end.

  • Hello there! I know this is kinda off topic but I’d figured
    I’d ask. Would you be interested in trading links or maybe guest authoring a blog
    post or vice-versa? My blog covers a lot of the same subjects
    as yours and I feel we could greatly benefit from each other.

    If you happen to be interested feel free to shoot
    me an e-mail. I look forward to hearing from you!
    Excellent blog by the way!

  • I absolutely love your blog and find most of your post’s to be what precisely I’m looking for.
    Does one offer guest writers to write content for you?
    I wouldn’t mind publishing a post or elaborating on many of the subjects you write concerning here.
    Again, awesome weblog!

  • With havin so much content do you ever run into any issues of plagorism
    or copyright infringement? My site has a lot of unique
    content I’ve either authored myself or outsourced but it seems a
    lot of it is popping it up all over the internet without my agreement.
    Do you know any methods to help reduce content from being stolen?
    I’d definitely appreciate it.

  • No matter if some one searches for his vital thing, therefore he/she needs to be available that in detail,
    so that thing is maintained over here.

  • What a data of un-ambiguity and preserveness of valuable know-how
    about unexpected emotions.

  • When I initially commented I seem to have clicked the -Notify me when new comments are added- checkbox and now every time a comment is added
    I recieve four emails with the same comment. Perhaps there is a way
    you are able to remove me from that service? Thank you!

  • I got this website from my buddy who told me concerning this web page and now this time I am
    visiting this web page and reading very informative
    posts at this time.

  • Sweet blog! I found it while surfing around on Yahoo News.

    Do you have any suggestions on how to get listed in Yahoo News?
    I’ve been trying for a while but I never seem to get there!
    Many thanks

  • Just wish to say your article is as amazing. The clearness in your post is simply
    nice and i can assume you’re an expert on this subject. Fine with
    your permission allow me to grab your RSS feed to keep updated with forthcoming
    post. Thanks a million and please keep up the rewarding
    work.

  • Hey! I understand this is somewhat off-topic however I had to ask.
    Does managing a well-established website like yours require a large amount of work?
    I’m completely new to operating a blog however I do write
    in my diary everyday. I’d like to start a blog so I will be able to
    share my experience and thoughts online. Please let me know if you
    have any kind of recommendations or tips
    for brand new aspiring bloggers. Thankyou!